quarta-feira, 3 de julho de 2013

Nossa Senhora de Lourdes enquanto Medianeira de todas as graças

Madonna dei raccomandati, catedral de Orvieto, Itália.
Lippo Memmi (1291 — 1356)
Para Nossa Senhora ser verdadeiramente Rainha é preciso que Ela possa junto a Deus tudo quanto Ela quer.

Por esta forma Ela governa o mundo.

Nossa Senhora tem uma natureza humana como a nossa. E pela sua natureza, Ela não tem mais poder sobre os astros, sobre os homens, do que nós temos.

Para ter o reinado de todo o universo, Ela deve ser a Rainha de todos os anjos, de todos os santos, de todos os homens, de todo o mundo material e dominadora terribilíssima e completa do demônio.

Para isto Ela precisa ter a graça de Deus. E é enquanto ponto de convergência de todas as graças de Deus, que ela é Rainha.

A onipotência de Nossa Senhora tem sido muitas vezes chamada, e muito adequadamente, de onipotência suplicante.

Porque é por meio da súplica que Ela pode tudo. Ela é Rainha porque Ela pode tudo junto d’Aquele que pode tudo.

Portanto, o Reinado de Nossa Senhora é o reinado das súplicas que Ela faz, do valor das orações que Ela oferece.


Portanto, a realeza de Nossa Senhora está numa conexão íntima com o fato de Ela ser o canal de todas as graças.

Doentes diante da Gruta de Lourdes
Ela é a Rainha de tudo, porque todas as graças que são dadas aos homens, são dadas pelas mãos d’Ela.

Todos os pedidos que os homens fazem são apresentados por meio d’Ela.

E se todos os santos e anjos do Céu pedissem algo que não fosse por meio d’Ela não obteriam.

Ela sozinha, pedindo sem nenhum deles, obtém.

De tal maneira o foco da predileção Divina se concentrou inteiro n’Ela.

Depois, parte d’Ela de novo para benefício de toda a criação.

E Ela é onipotente porque Ela é medianeira de todas as graças.

Coroa de Nossa Senhora no Santuário de Lourdes
Há, portanto, uma espécie de correlação íntima entre uma coisa e outra.

Deus quis que as curas todas em Lourdes só fossem obtidas sob a égide de Nossa Senhora, depois de uma aparição de Nossa Senhora, como uma graça de Nossa Senhora, e mediante um pedido feito a Nossa Senhora.

Tudo em Lourdes é feito para mostrar que todas as graças vêm por meio d’Ela. E graças todas para serem distribuídas estão nas mãos d’Ela para mostrar que Ela é a Rainha do Céu e da Terra.

E a Medianeira Universal das graças porque por Ela passa tudo.

(Autor: Plinio Corrêa de Oliveira, 4.2.65, texto não revisto pelo autor)



Acompanhe online o que está acontecendo agora na própria gruta de Lourdes pela Webcam do santuário. 





2 comentários:

Obrigado pelo comentário! Escreva sempre. Este blog se reserva o direito de moderação dos comentários de acordo com sua idoneidade e teor. Este blog não faz seus os comentários e opiniões dos comentaristas. Não serão publicados comentários que contenham linguagem vulgar ou desrespeitosa.