quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Santa Bernadette esquecida de todos

Luis Dufaur



Santa Bernadette antes de ser freira, era uma camponesa, com a expressão do olhar muito viva, com muita firmeza de ideias e de princípios na sua atitude.

Embora se visse que ela era uma pessoa quase iletrada e que não era capaz, portanto, de estruturar normalmente, correntemente, um princípio e o apresentar a quem quer que seja.

Ela tinha, por obra do Espírito Santo, o que têm tantas outras almas de condição modesta e que não tiveram os meios para estudar.

Ela tinha um verdadeiro conhecimento de certos princípios e uma heroica atitude de amor ofensivo e defensivo em relação a esses princípios.

Muito cedo aflorou nela a vocação religiosa.

Essa vocação a conduziu a uma congregação religiosa que têm uma casa na cidade de Nevers, que é a capital da zona chamada antigamente Nivernais.

Ela entrou nessa congregação onde, com intencionalidade das superioras, o trato dado a ela foi o seguinte:

Entenderam muito bem que se se conhecesse lá que Bernadette era a moça das aparições, ela seria o objeto da veneração e do entusiasmo de todas as pessoas no convento.

E ela ao invés de ter dentro do convento a vida sacrificada e dura que deve ser própria a quem segue a vocação religiosa, ela teria uma vida de bonequinha. Ela seria a bonequinha das outras freiras.





Então resolveram ocultar que ela fosse Bernadette Soubirous.

Fora também não se sabia que ela estava nesse convento. A entrada dela para o convento foi completamente ignorada.

De mais a mais, Nossa Senhora e os milagres atraíam todas as atenções.

E como é razoável, a vidente que tinha sido um glorioso e santo instrumento para o plano de Nossa Senhora saiu da cena e afundou no isolamento.

Parece que revestido do hábito religioso ela manifestou ter uma estatura menor do que com o hábito de camponesa. Era muito pequenininha.

Se não fosse irreverência dizer que ela era quase um ratinho é o que se deveria dizer.

E aquela louçania, aquele vigor que ela tinha antes de entrar para o convento foi perdendo em vista de numerosas doenças que sucessivamente a afligiram.

Ela, portanto, foi implodindo. Ela em vez de desabrochar foi mirrando, murchando, e no convento a tinham em conta de nada e de ninguém.

Daí o fato de que ela que parece que não tinha contato com a família também, é a impressão pelo menos que se tem através dessa oração, ela foi se sentido terrivelmente abandonada.

Esse abandono era um abandono dos que a circundavam.

E esse abandono é uma das grandes glórias de Santa Bernadette.

É curioso, mas Deus pede nesta terra grandes renúncias.

E quando a alma aceita essas renúncias, padece a vida toda por causa delas.

Mas, depois, quando vai no Céu, acontece o contrário, e aquilo que renunciou passa a ser um título de glória na terra.

Santa Bernadette aceitou o esquecimento e o abandono. Hoje é uma das santas mais lembradas e mais invocadas no mundo todo!

(Autor: Plinio Corrêa de Oliveira, excertos de conferência de 29/6/94. Não revisto pelo autor)


Acompanhe online o que está acontecendo agora na própria gruta de Lourdes pela Webcam do santuário. 

4 comentários:

  1. Por favor, gostaria de ser um voluntário no hospital em lurdes.Por ao lado este que fica ao lado da imagem de loures, por favor mandem um imail ou telefone onde eu possa entrar em contato. Grato..
    Pedro
    End BRASIL Estado SP cidade Serra Negra
    Rua Maestro Angelo Lamari 38 cep 13 930 000
    pedrorpulini@hotmail.com fone 19 3892 3522

    ResponderExcluir
  2. EU Djalma Valdenesi de Melo sempre Amei a Deus a Jesus a Maria e todos os santos da igreja católicas AMEN

    ResponderExcluir
  3. Obrigada pelos informativos leio todos com muita atenção e os imprimo.Em 2018 pretendo ir a Lourdes mas desde já preparo meu coração lendo bibliografias,vendo filmes.Enfim preparando-me para o dia que será o mais importante da minha vida!Grande abraço!

    ResponderExcluir
  4. José Osivan Barbosa de Lima29 de novembro de 2014 00:08

    O mais importante na nossa vida é sermos fiéis ao Divino Salvador.

    ResponderExcluir

Obrigado pelo comentário! Escreva sempre. Este blog se reserva o direito de moderação dos comentários de acordo com sua idoneidade e teor. Este blog não faz seus os comentários e opiniões dos comentaristas. Não serão publicados comentários que contenham linguagem vulgar ou desrespeitosa.