segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Há 187 anos Nossa Senhora deu a Medalha Milagrosa

Santa Catarina Labouré aos pés de Nossa Senhora
Luis Dufaur
Escritor, jornalista,
conferencista de
política internacional,
sócio do IPCO,
webmaster de
diversos blogs






Santa Catarina Labouré, no dia 21 de abril de 1830, transpôs os umbrais do noviciado das Filhas da Caridade, na Rue du Bac, em Paris.

Ela chegou, sem sabé-lo, conduzida pela mão de São Vicente de Paula.

Primeira aparição: Nossa Senhora mostra que o mundo caminha para um desastre

Na noite anterior ao dia da festa de São Vicente, 19 de julho, Catarina ouviu uma voz que a acordava. Assim contou ela:

“Enfim, às onze e meia da noite, ouvi que me chamavam pelo nome: ‘Minha irmã! Minha irmã!’

Acordando, corro a cortina e vejo um menino de quatro a cinco anos vestido de branco que me diz: ‘Vinde à Capela; a Santíssima Virgem vos espera’.

“Vesti-me depressa e me dirigi para o lado do menino que permanecera de pé. Eu o segui, sempre à minha esquerda.

“Por todos os lugares onde passávamos, as luzes estavam acesas, o que me espantava muito.

“Porém, muito mais surpresa fiquei quando entrei na Capela: a porta se abriu mal o menino a tocou com a ponta do dedo. E minha surpresa foi ainda mais completa quando vi todas as velas e castiçais acesos, o que me recordava a missa de meia-noite ....

quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Nosso Senhor quer que o santuário dos milagres não seja dEle mas de Nossa Senhora

Basílica de Paray-le-Monial,
cidade onde apareceu o Sagrado Coração de Jesus
Luis Dufaur
Escritor, jornalista,
conferencista de
política internacional,
sócio do IPCO,
webmaster de
diversos blogs






As aparições de Lourdes se inserem numa série de manifestações de Nossa Senhora no século XIX, que são merecidamente as mais célebres das aparições.

Essas aparições de Nossa Senhora no século XIX, culminam em Fátima e na afirmação do Reinado de Maria.

A aparição de Lourdes está num pontilhado de aparições que nas noites extremas de nossos dias, são como que uma clarinada do Reino de Maria.

Uns pontos alvos, anunciando que o Reino de Maria virá.

Em cada uma das aparições de Lourdes está presente a ideia da Mediação Universal das graças e do Reinado de Maria.

Isso em Lourdes se pode dizer especialmente por uma causa evidente.

Nosso Senhor poderia ter dado a fecundidade estupenda de milagres que há em Lourdes a um santuário dEle que é o Rei do Céu e da Terra.

Para dar um exemplo: o santuário magnífico consagrando ao Sagrado Coração de Jesus em Paray-le-Monial, onde Nosso Senhor se apareceu a Santa Margarida Maria Alacoque.

Ele poderia perfeitamente fazer com que esses milagres se dessem lá.

Poderia faze-lo em todos os santuários consagrados a Ele.

Mas Ele não quis.

Ele quis que a maior fonte de milagres que houve na História da Igreja e do do mundo, fosse num santuário consagrado a Nossa Senhora.

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

A Rainha conserta tudo.
Estamos pedindo o conserto com fervor?

A súplica de Nossa Senhora pode tudo junto Àquele que é Todopoderoso
A súplica de Nossa Senhora pode tudo junto Àquele que é Todopoderoso.
Por isso, Ela é verdadeiramente Rainha.
Luis Dufaur
Escritor, jornalista,
conferencista de
política internacional,
sócio do IPCO,
webmaster de
diversos blogs





Nossa Senhora de Lourdes é Rainha e, portanto, Medianeira de todas as Graças.

Porque para Ela ser verdadeiramente Rainha, é preciso que Ela possa junto a Deus tudo quanto Ela quer.

É por esta forma que Ela governa o mundo.

Nossa Senhora tem uma natureza humana como a nossa. Então Ela, pela sua própria natureza, não tem mais poder sobre os astros ou sobre os homens, do que nós temos.

Por isso, para Ela ter o reinado de todo o universo, Ela ser a Rainha de todos os anjos, de todos os santos, de todos os homens, de todo o mundo material e dominadora terribilíssima e completa do demônio, Ela precisa ter a graça de Deus.

E Ela é Rainha porque é exatamente ponto de convergência de todas as graças de Deus.

A onipotência de Nossa Senhora tem sido muitas vezes chamada, e muito adequadamente, de onipotência suplicante.

Porque é por meio da súplica que Ela pode tudo.

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Carta de Santa Bernadette Soubirous
a Sua Santidade o Beato Pio IX, Papa

Carta de Santa Bernadette Soubirous a Sua Santidade o Beato Pio IX, Papa
Carta da Santa ...
Carta de Santa Bernadette Soubirous a Sua Santidade o Beato Pio IX, Papa
a um Papa santo
Luis Dufaur
Escritor, jornalista,
conferencista de
política internacional,
sócio do IPCO,
webmaster de
diversos blogs




A seguinte carta foi escrita por Santa Bernadette no convento Saint Gildard de Nevers, em 17 de dezembro de 1876.

A santa já sofria o mal que a levaria deste mundo dois anos e quatro meses depois.

O Beato Pio IX também faleceu no muito depois: em 7 de fevereiro de 1878. Ele deixou a Terra em meio a grandes sofrimentos provocados pelos inimigos da Igreja que invadiram e usurparam os Estados Pontifícios, dos quais o Papa é rei.

Naquela data brilharam pelo seu heroísmo os zuavos pontifícios (tropa de elite de voluntários que defendiam o Papa), muitos dos quais morreram em combate defendendo o reino do Papa.

A eles se refere Santa Bernadette quando diz “há já alguns anos que eu me constituí pequeno zuavo”. Seu coração estava junto com aqueles bravos soldados que davam sua vida pela Igreja no campo de batalha.

Para os inimigos da Igreja Santa Bernadette tem essa frase de conteúdo profético que faz pensar em La Salette e Fátima: Nossa Senhora “se dignará colocar ainda mais uma vez Seu pé sobre a cabeça da serpente maldita, e dar assim um termo às cruéis provações da Santa Igreja e às dores de seu augusto e Bem-Amado Pontífice”.

Eis a carta:

quinta-feira, 2 de novembro de 2017

Uma Gruta de Lourdes nos jardins do Vaticano

Reprodução da Gruta de Lourdes nos jardins do Vaticano
Reprodução da Gruta de Lourdes nos jardins do Vaticano
Luis Dufaur
Escritor, jornalista,
conferencista de
política internacional,
sócio do IPCO,
webmaster de
diversos blogs






Nos jardins do Vaticano existe uma reprodução da Gruta de Lourdes.

Ela foi ali instalada mediante uma doação do bispo de Tarbes – diocese onde está Lourdes –, D. Francisco Xavier Schoepfer, ao Papa S.S. Leão XIII.

As duas personalidades religiosas estão retratadas em medalhões na fachada da Gruta, que foi desenhada pelo arquiteto dos Sagrados Palácios Apostólicos, Costantino Schneider.

Em 1° de junho de 1902 a gruta foi visitada pela primeira vez pelo Papa, na presença de numerosos Cardeais, Bispos e do público.

A construção foi financiada por uma coleta especial promovida pelos Missionários da Imaculada em todo o mundo católico.